Tratamos em outro post sobre quando as crianças podem começar a realizar atividades na piscina. Aqui listaremos os principais benefícios que a prática da natação pode oferecer aos nossos pequeninos. Além da redução nos riscos de afogamento, a prática da natação promove uma série de benefícios físicos e mentais para as crianças.

A natação, quando praticada desde cedo, colabora para o desenvolvimento motor em bebês, facilitando o processo de sentar sozinhos e segurar objetos. Muitas pesquisas também demonstram que a natação impacta de forma positiva crianças que possuem dificuldades respiratórias como asma e bronquite. Além disso, a natação promove ganhos de mobilidade e força aeróbica para crianças com deficiências físicas.

Crianças que fazem aula de natação saem na frente de crianças que não nadam. Ao praticarem natação as crianças desenvolvem resultados superiores em competências linguísticas e intelectuais, desenvolvendo habilidades, conhecimento e disposições mais cedo que crianças que não nadam, ou seja, a natação desenvolve também habilidades fora da piscina, melhorando o desempenho escolar.

Listamos abaixo os principais benefícios que a natação traz para as crianças:

  • Melhora da capacidade respiratória, já que fortalece a musculatura torácica.
  • Reduz o risco de afogamento
  • Desenvolvimento da capacidade psicomotora, desenvolvendo o equilíbrio, lateralidade e coordenação motora.
  • Reduz a agressividade e aumenta a capacidade de socialização das crianças
  • Desenvolvimento da capacidade aeróbica e fortalecimento muscular
  • Fortalecimento do sistema imunológico

No entanto, é preciso estarmos atentos aos possíveis riscos que a prática da natação pode oferecer para crianças e bebês. Clique no link abaixo para descobrir quais cuidados devemos tomar para atenuar os riscos da natação infantil.

Como podemos te ajudar?